Notícias


IEL e CNPq lançam programa para empresas que buscam soluções tecnológicas

16/11/17 às 11:14

 Instituto Euvaldo Lodi (IEL) e o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), com o apoio do Fórum Nacional de Gestores de Inovação e Transferência de Tecnologia (Fortec), lançaram a Chamada Pública do InovaTEC. O programa tem como objetivo principal a melhoria contínua da produtividade na indústria, por meio da execução de projetos ligados à pesquisa, desenvolvimento e inovação (PD&I), com a abordagem de temas de interesse do setor empresarial. Os projetos serão desenvolvidos numa parceria entre empresas, instituições de ensino superior e estudantes de graduação.


O CNPq concederá 200 bolsas de Iniciação Tecnológica e Industrial (ITI) para estudantes matriculados em curso superior e/ou superior tecnológico. Também serão disponibilizados, neste programa, auxílios à pesquisa aos professores, que coordenarão o projeto.

As inscrições podem ser feitas no site do programa. As empresas interessadas em participar do programa poderão encaminhar propostas ao IEL da sua região até o dia 15 de dezembro.

De acordo com o edital, uma parcela mínima de 30% dos recursos será destinada a projetos cujos professores/coordenadores estejam vinculados às instituições de ensino superior sediadas nas regiões Norte, Nordeste ou Centro-Oeste. Também terão prioridade pequenas e médias empresas, desde que o projeto tenha a pontuação mínima exigida no edital.

Os resultados da chamada serão divulgados no dia 24 de janeiro de 2018 e o início das atividades dos projetos está previsto para os meses de março e abril de 2018.

O superintendente do IEL Nacional, Paulo Mól, afirma que o InovaTec irá contribuir para a formação e inserção de estudantes em atividades de pesquisa, desenvolvimento tecnológico e inovação e também na preparação de recursos humanos com capacidade inovadora para as empresas. “O InovaTec terá uma relevância fundamental ao preencher uma lacuna na área de PD&I para pequenas e médias empresas. Nesse contexto, o IEL será um elo entre as empresas e a academia”, afirma.

Ele acrescenta que o programa se configura como uma porta de entrada importante para que empresas de pequeno e médio portes se beneficiem de recurso humano qualificado (professor acompanhado de um bolsista) para resolver algum desafio. A meta é gerar para e empresa aumento de produtividade, inovação ou mesmo desenvolvimento da competitividade, a partir de um investimento inferior ao praticado pelo mercado.

Por Diego Abreu
Da Agência CNI de Notícias 

Agência CNI

Home | Voltar



Nos acompanhe nas Redes Sociais

 

 

Sistema FIEMT / IEL - Instituto Euvaldo Lodi - Mato Grosso
Av. Historiador Rubens de Mendonça, 4193 - Centro Político Administrativo
Cuiabá-MT - CEP: 78049-940 - Telefone: (65) 3611-1514 - FAX: (65) 3644-1757