Notícias


 

Faturamento da indústria cresceu 2% em setembro

04/11/08 às 10:55

 

O faturamento da indústria de transformação brasileira cresceu 2% em setembro na comparação com agosto, na série livre de influências sazonais. No mesmo período, as horas trabalhadas na produção aumentaram 1,2%, e o emprego teve expansão de 0,7%.

As informações são da pesquisa Indicadores Industriais de setembro, divulgada nesta terça-feira, 4/11, pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). “Após o movimento de acomodação em agosto, a indústria de transformação voltou a registrar intenso crescimento em setembro”, diz o estudo. Com isso, a utilização da capacidade instalada atingiu 83,3%, índice 0,3% superior ao de agosto, na série com ajuste sazonal.

Conforme a CNI, o bom desempenho é resultado principalmente do maior número de dias úteis registrados no mês. Setembro deste ano teve um dia útil a mais que agosto e três dias úteis a mais que setembro de 2007. “Enquanto em agosto o menor número de dias úteis influenciou negativamente os resultados daquele mês, em setembro, o quadro se inverteu”, afirma a pesquisa.

De janeiro a setembro, o faturamento da indústria aumentou 8% em relação a igual período do ano passado. Entre os 19 setores pesquisados, apenas dois – o de madeira e o de produtos químicos – apresentam retração no acumulado do ano. Os demais tiveram resultados positivos, com destaque para as indústrias de outros equipamentos de transportes, cujo faturamento cresceu 32,3%, e o setor de veículos automotores, que registrou expansão de 23,2% de janeiro a setembro na comparação com igual período de 2007.  

As horas trabalhadas na produção acumulam expansão de 6,1% de janeiro a setembro em relação ao mesmo período do ano passado. O indicador aumentou em 15 setores. O melhor resultado foi o das indústrias de outros equipamentos de transportes, em que as horas trabalhadas aumentaram 29% no ano. 

De acordo com a pesquisa, o emprego na indústria cresce há 30 meses consecutivos. A alta acumulada de janeiro a setembro foi de 4,4% na comparação com  igual período de 2007. O setor de outros equipamentos de transporte, com crescimento de 20%, foi o que mais se destacou na criação de vagas ao longo de 2008.

A expansão no emprego também garantiu melhor remuneração para os trabalhadores. Os salários pagos pela indústria aumentaram 3% em setembro na comparação com agosto e acumulam uma elevação de 5,3% no ano. De janeiro a setembro, a remuneração dos trabalhadores cresceu em 15 dos 19 setores pesquisados, com destaque para as indústrias de veículos automotores, alimentos e bebidas e máquinas e equipamentos. 

Agência CNI

Home | Voltar



Nos acompanhe nas Redes Sociais

 

 

Sistema FIEMT / IEL - Instituto Euvaldo Lodi - Mato Grosso
Av. Historiador Rubens de Mendonça, 4193 - Centro Político Administrativo
Cuiabá-MT - CEP: 78049-940 - Telefone: (65) 3611-1514 - FAX: (65) 3644-1757